Rosana Hermann e o poder da criatividade

Atualmente muitas pessoas falam sobre pensamento criativo como um grande diferencial. Somos levados a acreditar que a criatividade é uma espécie de dom e que nem todas as pessoas são criativas. No entanto, diversos estudos mostram que a criatividade não é um dom, mas uma habilidade do ser humano que pode ser estimulada e desenvolvida.

A criatividade está diretamente relacionada à nossa capacidade de invenção e de inovação. Por isso, os testes que buscam identificar se uma pessoa é criativa ou não geralmente envolvem propor novas funções para um objeto, como um clipe de papel ou uma meia. Mas, por mais que algumas pessoas tenham mais facilidade com essa atividade do que outras, é possível desenvolver essa habilidade para se tornar uma pessoa mais criativa.

As crianças, por exemplo, têm grande potencial criativo mas muitas vezes são repreendidas ou ensinadas a reprimir novas ideias e pensamentos que não se encaixam com a realidade dos adultos.

Assim, as crianças que são incentivadas e elogiadas pelos pais podem se tornar adultos mais ousados e com maior tendência a agir de maneira inovadora. Da mesma forma, pessoas que são valorizadas por sua criatividade e não se sentem em risco de perder o emprego ou passar vergonha, por exemplo, não têm medo de inovar e tendem a criar mais.

A criatividade é um processo não linear e geralmente desorganizado, por isso acredita-se que esteja relacionada à parte do cérebro que lida com as emoções e a imaginação, mas isso não é verdade. O pensamento criativo acontece unindo as partes do cérebro que lidam com a lógica e também com a imaginação.

Criatividade, inovação e tecnologia

Hoje em dia vivemos em um mundo cada vez mais digital, o que traz diversas vantagens mas também pode deixar o nosso olhar condicionado e impedir o exercício da criatividade. Com o excesso de informações e possibilidades a que temos acesso, podemos acabar deixando a criatividade de lado e ter um olhar “viciado” sobre o mundo.

No entanto, a internet trouxe a possibilidade de vermos as coisas de outra forma, o que é uma grande oportunidade para a criatividade.

Se antes a informação era transmitida em uma via de mão única dos produtores para o público, hoje qualquer pessoa com acesso à internet tem o mesmo poder de criar conteúdo e publicá-lo para sua própria rede. Dessa forma, temos acesso a novas perspectivas e realidades.

Todas essas mudanças influenciam o nosso cotidiano, nossos relacionamentos e comunicação. Assim, se não podemos fugir desse novo mundo digital, por que não aproveitá-lo para exercer nossa criatividade da melhor forma possível?

Aprenda a ser criativo com Rosana Hermann

Como nós já dissemos, a criatividade é uma habilidade que pode ser aprendida e desenvolvida. Com a atividade O poder da criatividade no Addwisers, você irá aprender uma nova configuração mental para se tornar uma pessoa mais criativa.

A atividade é realizada pela escritora e roteirista Rosana Hermann, que estuda comportamento digital e criatividade. 

“Criatividade é criar um ambiente em que você tira a outra mente para dançar para que ela dance junto com você” – Rosana Hermann, escritora e roteirista

Para ela, uma das formas de se tornar mais criativo é estar aberto para as ideias e agir como se fosse uma pessoa que não sabe nada. Ter curiosidade em aprender sobre novos assuntos sem pré-conceitos também ajuda a desenvolver a criatividade.

“É preciso ter uma dose de lógica mas deixar um espaço para que ocorra o aleatório, o inesperado, o improvável, o invisível e o impensável” – Rosana Hermann, escritora e roteirista

No portal Addwisers, as aulas são realizadas ao vivo e você pode agendar no horário que preferir, de acordo com a disponibilidade do especialista. Para saber mais sobre criatividade e como desenvolver um pensamento criativo, cadastre-se no site e agende sua atividade com a especialista Rosana Hermann.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *